O que passou

  • Português
  • English
  • Postado em 29 de janeiro, 2012


    DOM. 22/1

    Rita Lee anuncia aposentadoria

    A cantora e compositora Rita Lee anuncia, aos 64 anos, a aposentadoria dos palcos, depois de 40 anos de carreira. Pelo Twitter, avisou: “Quem me viu ontem pode bem atestar minha fragilidade física. Aposento-me de shows, da música nunca ?”. A decisão foi anunciada num show no Circo Voador, no Rio.

    PM faz reintegração em São José dos Campos

    Com helicópteros, carros blindados e 2 mil soldados do Batalhão de Choque, a Polícia Militar cumpre mandato de reintegração de posse da comunidade de Pinheirinho, em São José dos Campos, no interior paulista. Seis mil pessoas que viviam desde 2004 no terreno pertencente à massa falida da empresa Selecta, de Naji Nahas, foram retiradas do local. Barracos e casas foram derrubados por tratores da prefeitura. No dia seguinte, moradores despejados incendiaram carros e policiais usaram bombas de gás e balas de borracha contra os manifestantes.

    —————–

    SEG. 23/01

    Dilma Rousseff troca comando da Petrobrás

    A presidente Dilma tira José Sérgio Gabrielli da presidência da Petrobrás e põe Maria das Graças Foster, antiga diretora de Gás e Energia da empresa. Técnica de confiança de Dilma, Graças Foster será a primeira mulher a comandar a estatal. Ela terá que manter o foco na exploração do pré-sal e, para isso, buscar uma solução rápida para a contratação de 21 sondas de perfuração, projeto estimado em US$ 70 bilhões, cuja licitação foi suspensa diante do impasse de quem as construiria.

    ——————-

    QUA. 25/1

    Brasil dá visto a cubana

    O governo brasileiro concede visto de turista para a cubana Yoani Sánchez, autora do blog Generación Y e dissidente do regime dos Castros. Yoani pediu permissão para sair de Cuba e vir ao Brasil para a apresentação do documentário Conexión Cuba-Honduras, de Dado Galvão. Mas ainda não obteve a autorização de Havana, apesar de 18 tentativas.

    Gianecchini tem alta

    O ator Reynaldo Gianecchini, de 39 anos, tem alta do Hospital Sírio Libanês, na zona sul de São Paulo, depois de uma boa recuperação de um transplante de medula óssea. O ator tem um linfoma não Hodgkin de células T ? um tipo raro de câncer que atinge o sistema de defesa do organismo. Ele recebeu a visita de o ex-presidente Lula, paciente no mesmo hospital, que nessa semana fez sua primeira ida para Brasílial, em ocasião da despedida oficial de Fernando Haddad do Ministério da Educação.

    —————-

    QUI. 26/1

    França prende dono de próteses PIP

    Jean-Claude Mas, dono da empresa Poly Implant Prothese, de próteses de silicone, é preso por homicídio culposo. O inquérito foi aberto por causa da morte por câncer em 2010 de uma francesa com implantes PIP. O empresário, que vendeu em torno de 300 mil próteses no mundo todo, admitiu ter usado silicone não autorizado. Na França, 2.700 mulheres entraram com processos e queixas contra a empresa.

    ——————

    SEX. 27/1

    Agência rebaixa notas da Itália e Espanha

    A agência de classificação de risco Fitch rebaixa os ratings da Itália, da Espanha, da Bélgica, do Chipre e da Eslovênia, mas mantém o índice Irlanda em BBB+. Por causa do prolongamento da crise européia, o rating da Bélgica foi reduzido em um grau, para AA. O Chipre também foi rebaixado em um grau, para BBB-. A Itália, a Espanha e a Eslovênia tiveram suas notas de longo prazo rebaixadas em dois graus, para A-, A e A, respectivamente. “As ações adotadas hoje refletem a deterioração da perspectiva econômica”, informou a agência.

    Celulares de São Paulo ganharão mais um dígito

    Para driblar o iminente esgotamento das combinações possíveis com oito dígitos, os telefones celulares de São Paulo vão ganhar mais um dígito, informou a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Será acrescentado o número 9 a todas as linhas dos 64 municípios que usam o DDD 11.

    Facebook vai abrir capital

    O Facebook apresentará documentos para a abertura de capital na próxima semana e está perto de escolher o banco Morgan Stanley para coordenar a oferta pública inicial de ações. A maior rede social do mundo deve ser avaliada entre US$ 75 bilhões e 100 bilhões.

    O COLUNISTA TUTTY VASQUES ESTÁ DE FÉRIAS. FELIPE DINIZ/ DIVULGAÇÃO RICARDO STUCKERT/INSTITUTO LULA

    O Estado de S. Paulo/AC