• Alvorada

    Alvorada

  • Português
  • English
  • Infraestrutura


    Aqui você encontra um resumo da infraestrutura disponível na cidade, com dados sobre transporte, serviços e indústria. A Rio Negócios pode ajudá-lo a usar essa estrutura a seu favor.

    Porto

    O porto do Rio apresentou um crescimento médio de 20% nos últimos 13 anos no seu volume de passageiros.

    Indicadores de tráfego no porto do Rio de Janeiro

    2009 2010 2010 2011 2012 2013
    Passageiros 410.598 517.017 552.479 598.838 520.104 332.831
    Contêineres (TEU)* 350.295 315.489 315.489 415.455 437.205 357.350
    Total de cargas (toneladas) 6.769.028 6.946.638 6.946.637 7.706.623 7.758.349 8.858.836

    Fonte: ANTAQ, Agência Nacional de Transporte aquaviário e Ministério do Turismo
    Nota: *TEU - twent foot equivalent unit - Twenty-Feet Equivalent Unit. Unidade de medida de capacidade em contêiner.

     

    Ranking da movimentação total de cargas nos portos organizados do Brasil – 2013

    Aeroporto

    O movimento de passageiros nos dois principais aeroportos do Rio em 2013 foi equivalente a quatro vezes a população da cidade.

    Fonte: INFRAERO, Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuaria. Superintendência de Planejamento e Gestão – PRPG.

    Em 2012, o número de passageiros nos aeroportos Internacional do Galeão e Santos Dumont cresceu 14% e 8% no acumulado dos 2 anos.

    Ranking do volume de passageiros nos aeroportos brasileiros

    # Aeroporto Cidade Estado # %
    1 Tom Jobim Rio RJ 38 17%
    2 Brasília Brasília DF 29 13%
    3 Cumbica Guarulhos SP 25 11%
    4 Santos Dumont Rio RJ 20 9%
    5 Viracopos Campinas SP 19 8%
    6 T. Neves Cofins MG 17 7%
    7 Afonso Pena S.J. dos Pinhais PR 14 6%
    8 Congonhas São Paulo SP 12 5%
    Demais Aeroportos 17 9%
    Total 191 85%

    # Vôos Diretos Internacionais SEMANAIS

    A partir do 2010 % Brasil 2011 % Brasil 2012 % Brasil 2013 % Brasil
    RJ 202 19% 259 22% 270 23% 244 21%
    Brasil 1066 1200 1192 1173

    Fonte: Infraero, Rio Negócios.<br>
    ¹ é um termo utilizado pela Infraero, e é sinônimo de ponte de embarque (jetway, airbridge).

    Helipontos

    Helipontos na Cidade - 2013

    Nome Uso Dimensões (m) Capacidade (t) Bairro
    AGO Privado 21m x 21m 5,0 t Barra da Tijuca
    Banco Central Privado 19,5m x 19,5m 3,0 t Centro
    Banco Itaú-RJ Privado 18m x 18m 3,0 t São Cristóvão
    Barra Green Privado 18m x 18m 4,0 t Barra da Tijuca
    BNDES Privado 19,5m x 19,5m 4,30 t Centro
    Bolsa-RJ Privado 20,6m x 20,6m 5,0 t Centro
    Cândido Mendes Privado 18m x 18m 3,0 t Centro
    Carreteiro Privado 19,5m x 19,5m 5,0 t Paciência
    Catedral Mundial da Fé Privado 21m x 21m 5,0 t Del Castilho
    CCN - Torre Norte Privado 21m x 21m 4,5 t Cidade Nova
    Centro Empresarial Botafogo Privado 21,5m x 21,5m 4,0 t Botafogo
    Centro Empresarial Mourisco Privado 19,5m x 19,5m 2,0 t Botafogo
    Centro Empresarial Senado Privado 27m x 27m 10,0 t Centro
    CEO Privado 21m x 21m 4,0 t Barra da Tijuca
    Clube CEU Privado 18,4m x 18,4m 3,0 t Jacarepaguá
    COM-CN-Cidade Nova Privado 21m x 21m 5,0 t Cidade Nova
    Dona Marta Privado 18m x 18m 2,0 t Botafogo
    Edifício Serrador Privado 18m x 18m 3,0 t Centro
    Edifício Torre Almirante Privado 20,6m x 20,6m 4,0 t Centro
    Edise Privado 24m x 24m 6,0 t Centro
    Furnas Centrais Elétricas S/A Privado 18 m x 18 m 5,0 t Botafogo
    Grota Funda Privado 24m x 24m 6,0 t Recreio dos Bandeirantes
    Hospital Municipal Ronaldo Gazolla Privado 21m x 21m 6,0 t Acarai
    Hospital Copa D'or Privado 19,5m x 19,5m 4,0 t Copacabana
    Huck Privado 19,5m x 19,5m 3,0 t Joatinga
    INTO Privado 24m x 24m 6,0 t Cajú
    Lagoa Privado 18m x 18m 10,0 t Lagoa
    Mário Henrique Simonsen Privado 21m x 21m 5,0 t Barra da Tijuca
    Méier Medical Center Privado 19,5m x 19,5m 4,0 t Todos os Santos
    Ministro Nelson Hungria Privado 21m x 21m 5,0 t Centro
    Morro da Urca Privado 18m x 18m 2,0 t Urca
    Multiplan Privado 19,5m x 19,5m 2,7 t Centro
    Ouro Negro Privado 21m x 21m 4,3 t Maracanã
    Palacio Guanabara Privado 21m x 21m 5,0 t Laranjeiras
    Paquetá Privado 28m x 28m 9,0 t Paquetá
    Prefeitura do Rio de Janeiro Privado 24m x 24m 5,0 t Lagoa
    Projac Privado 21m x 21m 10,0 t Jacarepaguá
    Recreio Privado 18,9m x 18,9m 10,0 t Recreio dos Bandeirantes
    Rio Alpha Privado 24m x 24m 6,0 t Centro
    Rio - Bravo Privado 24m x 24m 6,0 t Centro
    Rio Centro Privado 28,5m x 28,5m 9,0 t Barra da Tijuca
    Rio Sul Center Privado 21m x 21m 2,6 t Botafogo
    Lagoa Privado 18m x 18m 10,0 t Lagoa

    Obs: Somente Helipontos homologados pela Aeronáutica
    Fonte: ANAC

    Energia

    Capacidade Instalada – MW

    2009 2010 2011 2012
    Brasil 106.569 113.327 117.135 120.973
    Município do Rio de Janeiro 8.411 8.454 8.503 7.991

    Fonte: Empresa de Pesquisas Energéticas (EPE). Anuário Estatístico de Energia Elétrica – 2011.

     

    Geração elétrica - GWh

    2009 2010 2011 2012
    Brasil 462.976 509.223 531.758 552.498
    Município do Rio de Janeiro 29.369 42.803 38.540 47.610

     

    Consumo anual de energia elétrica, total de unidades consumidoras, consumo médio por unidade consumidora, consumo médio por habitante - Municipio do Rio de Janeiro

    2007 2008 2009 2010 2011 2012
    Consumo anual (1) (MWh) 13.486.959 13.717.623 14.282.805 14.511.867 16.901.704 17.108.243
    Total anual de unidades consumidoras 2.489.822 2.517.224 2.564.262 2.606.937 2.627.851 2.580.877
    Consumo médio anual por Unidade Consumidora (MWh) 5,42 5,45 5,57 5,57 6,43 6,63
    Consumo médio anual por habitante (MWh / hab) 2,18 2,20 2,28 2,30 2,66 2,68

    Fonte: Light Serviços de Eletricidade S.A./ IPP (projeção de população).
    Nota: (1) - Estão incluídos as categorias de consumo de energia elétrica: residencial, industrial, comercial, rural, poder público, iluminação pública, serviço público e consumo próprio.

     

    Unidades consumidoras de energia elétrica - 2012

    Classe de consumo Brasil Município do Rio de Janeiro
    Residencial 61.697.228 2.354.708
    Industrial 572.821 7.063
    Comercial, Serviços e Outras 5.270.878 212.539
    Rural 4.129.147 225
    Poder Público 535.825 5.194
    Iluminação Pública 83.342 81
    Serviço Público (1) 75.831 873
    Consumo Próprio 11.973 196
    Rural Aquicultor - -
    Rural Irrigante - -
    Total 72.377.045 2.580.877

     

    Consumo de Energia Elétrica - MW - 2010

    Brasil Município do Rio de Janeiro
    Residencial 106.841.739 5.988.844
    Industrial 77.317.510 1.116.469
    Comercial, Serviços e Outras 66.724.268 5.023.741
    Rural 13.772.295 2.240
    Poder Público 12.679.538 1.245.823
    Iluminação Pública 11.895.928 442.477
    Serviço Público (1) 11.271.966 624.072
    Consumo Próprio 654.163 68.201
    Rural Aquicultor 392.017 -
    Rural Irrigante 3.966.234 -
    Total 305.515.658 14.511.867

    Fonte: Agência Nacional de Energia Elétrica, ANEEL. Light Serviços de Eletricidade S.A./ IPP. Armazém de Dados. Empresa de Pesquisas Energéticas (EPE). Anuário Estatístico de Energia Elétrica.
    Nota: (1) - Estão incluídos na categoria Serviço Público: água, esgoto, saneamento e tração elétrica.

    Água

    População total, população atendida e índice de abastecimento de água (hab) - 2012

    População Total (2) População Atendida Índice de atendimento (%) (1)
    Brasil (urbano) 193.976.530 147.031.404 75,8
    Município do Rio de Janeiro 6.390.290 5.824.344 91,1

    Volume de água produzido no sistema de abastecimento de água (1.000 m³ /ano) - 2012

    Volume total produzido (1.000 m³ / ano) MRJ / Brasil (%)
    Brasil 12.887.809 100%
    Município do Rio de Janeiro 1.034.288 8%

    Fonte: Ministério das Cidades - Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental - Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento - SNIS - Disponível em http://www.snis.gov.br. Acesso em 15/03/2012 - Dados disponibilizados por CEDAE (Rio de Janeiro). <br>
    Notas: (1) - Valor médio para atendimento da população urbana. (2) - IBGE, Censo 2010.

    O total do volume produzido no Brasil corresponde ao total produzido pelas prestadoras do serviço.

    Volume de água consumido (1.000 m³ /ano) - 2012

    Volume total consumido (1.000 m³ / ano) MRJ / Brasil (%)
    Brasil 9.359.606 100%
    Município do Rio de Janeiro 660.085 7%

    Fonte: Ministério das Cidades - Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental - Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento - SNIS - Disponível em http://www.snis.gov.br. Acesso em 19/03/2012 - Dados disponibilizados por CEDAE (Rio de Janeiro).<br>
    Nota: Volume de água consumido - Volume anual de água consumido por todos os usuários, compreendendo o volume micromedido, o volume de consumo estimado para as ligações desprovidas de hidrômetro ou com hidrômetro parado e o volume de água tratada exportado.

    Esgoto

    Quantidade de economias residenciais ativas de esgotos - 2012

    Total MRJ / Brasil (%)
    Brasil 28.943.994 100,0
    Município do Rio de Janeiro 1.515.778 5,2

    Fonte: Ministério das Cidades - Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental - Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento - SNIS - Disponível em http://www.snis.gov.br. Acesso em 20/03/2012 - Dados disponibilizados por CEDAE (Rio de Janeiro).
    Nota: Economia - Moradias, apartamentos, unidades comerciais, salas de escritório, indústrias, órgãos públicos e similares, existentes numa determinada edificação, que são atendidos pelos serviços de abastecimento de água e/ou de esgotamento sanitário.

     

    Volume de esgoto coletado (1.000 m³ /ano) - 2012

    Volume total coletado (1.000 m³ /ano) MRJ / Brasil (%)
    Brasil 5.704.835 100,0
    Município do Rio de Janeiro 414.798 7,3

    Fonte: Ministério das Cidades - Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental - Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento - SNIS - Disponível em http://www.snis.gov.br. Acesso em 19/03/2012 - Dados disponibilizados por CEDAE (Rio de Janeiro).
    Nota: A base de cálculo para estimativa do volume anual de esgoto lançado na rede coletora considera, em media, 80% a 85% do volume de água consumido nas economias.

     

    Índice de esgoto tratado - 2009

    Índice de esgoto tratado (%)
    Brasil (1) 38,7
    Município do Rio de Janeiro 79,6

    Fonte: Ministério das Cidades - Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental - Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento - SNIS - Ranking de Saneamento 2009. Disponível em http://www.snis.gov.br. Acesso em 19/03/2012- Dados disponibilizados por CEDAE (Rio de Janeiro).

    Mobilidade

    O Rio de Janeiro possui 96% de movimentação de passageiros em transportes rodoviários.

    Movimento de passageiros segundo os transportes rodoviário, ferroviário, hidroviário e aeroviário - MRJ - 2012

    Passageiros ( nº x 1000 ) %
    Rodoviário 1.160.638 96,1
    Ônibus 860.062 71,2
    Metrô 164.241 13,6
    Trem 135.751 11,2
    Bonde 584 0,05
    Hidroviário 26.530 2,2
    Aeroviário 20.169 1,7
    Total 1.207.336 100,0

    Fonte: Armazém de Dados

    Telecomunicações

    Acessos telefônicos fixos individuais e públicos - 2012

    Acessos fixos Município do Rio de Janeiro Brasil
    Instalado (1)
    Total 2.997.606 44.854.446
    Individuais 2.971.978 43.906.731
    Públicos 25.628 947.715
    Em serviço (2)
    Total 1.935.267 29.887.806
    Individuais 1.909.639 28.940.125
    Públicos 25.628 947.715

    Fonte: ANATEL. Disponível em http://sistemas.anatel.gov.br/sgmu/ Último acesso em 20/02/2012.
    Notas:
    (1) Acessos instalados é o conjunto formado por todos os acessos fixos que diponham de todas as facilidades necessárias para estar em serviço.
    (2) Acessos em serviço são os acessos instalados que estão colocados a disposição do usuários, inclusive os terminais de uso público (TUP).

    O Rio de Janeiro possui uma teledensidade de 47 acessos por 100 cariocas, muito acima da média brasileira, de 21 telefones fixos disponíveis para 100 brasileira.

    Teledensidade - 2012

    Teledensidade (acesso/100 habitantes) (1) População (2)
    Município do Rio de Janeiro 46,7 6.320.446
    Brasil 136,0 201.774.168

    Fonte: ANATEL
    Notas:
    (1) Cálculo Teledensidade - Instituto Municipal de Urbanismo Pereira Passos - IPP.
    (2) IBGE, Projeção Mensal da população do Brasil até Novembro de 2010.

    Acessos telefônicos fixos individuais e públicos - 2012

    Acessos fixos Município do Rio de Janeiro Brasil
    Instalado (1)
    Total 2.997.606 44.854.446
    Individuais 2.971.978 43.906.731
    Públicos 25.628 947.715
    Em serviço (2)
    Total 1.935.267 29.887.806
    Individuais 1.909.639 28.940.125
    Públicos 25.628 947.715

    Fonte: ANATEL. Disponível em http://sistemas.anatel.gov.br/sgmu/ Último acesso em 20/02/2012.
    Notas:
    (1) Acessos instalados é o conjunto formado por todos os acessos fixos que diponham de todas as facilidades necessárias para estar em serviço.
    (2) Acessos em serviço são os acessos instalados que estão colocados a disposição do usuários, inclusive os terminais de uso público (TUP).

    O Rio de Janeiro possui uma teledensidade de 47 acessos por 100 cariocas, muito acima da média brasileira, de 21 telefones fixos disponíveis para 100 brasileira.

    Teledensidade - 2012

    Teledensidade (acesso/100 habitantes) (1) População (2)
    Município do Rio de Janeiro 46,7 6.320.446
    Brasil 136,0 201.774.168

    Fonte: ANATEL
    Notas:
    (1) Cálculo Teledensidade - Instituto Municipal de Urbanismo Pereira Passos - IPP.
    (2) IBGE, Projeção Mensal da população do Brasil até Novembro de 2010.

    Fonte: Teleco, Inteligência em Telecomunicações<br>
    Nota: Densidade de celulares = celulares por 100 habitantes. Disponível em: http://www.teleco.com.br/ncel_hist.asp

    % de moradores em Domicílios Brasileiros com acesso a meios de comunicação

    2007 2008 2009 2010 2011 2012
    Rádio 88,1% 88,9% 87,9% 81,4% 83,4% 80,9%
    Televisão 94,5% 95,1% 95,7% 95,0% 96,9% 97,2%
    Telefone (Fixo ou Celular) 77,0% 82,1% 84,3% 87,9% 89,9% 91,2%
    Microcomputador 26,6% 31,2% 34,7% 38,3% 42,9% 46,4%
    Microcomputador com acesso à Internet 20,2% 23,8% 27,4% 31,9% 36,5% 40,3%

    Fonte: Teleco. Estatísticas de Domicílios Brasileiros. Disponível em: http://www.teleco.com.br/pnad.asp.
    Nota: Projeção para acesso a internet no ano de 2010 considerando o crescimento médio anual dos anos anteriores.

    Gás

    Evolução do número de consumidores de gás canalizado segundo o tipo de gás e classes de consumidores

    Tipo de gás e classes de consumidores 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005
    Total 571 447 576 500 588 401 594 957 607 601 635 397 668 022 705 635
    Residencial 560 711 566 086 578 061 584 309 597 014 624 414 656 963 694 196
    Comercial 10 278 9 966 9 906 10 169 10 055 10 359 10 370 10 680
    Industrial 434 419 371 383 405 419 398 422
    Gás manufaturado 475 003 443 606 436 119 432 346 393 583 316 124 228 715 143 000
    Residencial 465 257 434 549 427 609 424 340 386 215 309 973 223 580 139 208
    Industrial 212 188 138 132 125 119 85 81
    Gás liquefeito de petróleo (GLP) 6 283 6 307 7 355 8 718 9 191 10 377 11 748 12 025
    Comercial 10 8 8 9 9 8 27 27
    Industrial 1 1 1 1 1 1 1 0
    Gás natural 90 161 126 587 144 927 153 893 204 827 308 896 427 559 550 610
    Residencial 89 182 125 239 143 106 151 261 201 618 304 073 421 663 542 990
    Comercial 734 1 089 1 526 2 286 2 803 4 319 5 293 6 942
    Industrial 221 230 232 250 279 299 312 341
    Automotivo 24 29 63 96 127 205 291 337

    Tipo de gás e classes de consumidores 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013
    Total 710 761 724 786 735 656 746 739 758 509 777 757 798 289 818 256
    Residencial 699 419 713 498 724 393 735 475 747 269 766 472 786 837 807 007
    Comercial 10 538 10 562 10 507 10 509 10 477 10 511 10 675 10 481
    Industrial 437 342 349 334 332 337 332 324
    Gás manufaturado 54 653 0 0 0 0 0 - -
    Residencial 51 976 0 0 0 0 0 - -
    Industrial 80 0 0 0 0 0 - -
    Gás liquefeito de petróleo (GLP) 11 797 12 624 13 041 12 704 12 707 13 145 13 079 12 980
    Comercial 28 28 29 31 30 29 30 31
    Industrial 0 1 1 1 1 1 - -
    Gás natural 644 311 712 162 722 615 734 035 745 802 764 612 785 210 805 276
    Residencial 635 674 700 903 711 382 722 803 734 593 753 357 773 788 794 058
    Comercial 7 913 10 534 10 478 10 478 10 447 10 482 10 645 10 450
    Industrial 357 341 348 333 331 336 332 324
    Automotivo 367 384 407 421 431 437 445 444

    Fonte: Companhia Distribuidora de Gás do Rio de Janeiro - CEG

    Lixo

    Lixômetro - Recolhimento de lixo público na cidade (valores em toneladas/mês)

    Área de Planejamento 2010 2011 2012
    AP1 (Centro e Região Portuária) 76.935 95.868 104.128
    AP2 (Zona Sul e Grande Tijuca) 141.746 160.223 144.853
    AP3 (Zona da Leopoldina) 353.139 426.082 437.470
    AP4 (Barra e Adjacências) 127.544 140.053 126.531
    AP5 (Zona Oeste) 275.813 328.356 315.447
    TOTAL MRJ 975.177 1.150.582 1.128.429

    Fonte: COMLURB - Companhia Municipal de Limpeza Urbana

    Saúde

    O município do Rio de Janeiro possuí 28.380 leitos em 3.749 Unidades de Saúde.

    Esferas Administrativas das Unidades de Saúde no MRJ - 2013/2014

    Tipo Total (Unidades de Saúde)
    Federal 65
    Estadual 166
    Municipal 318
    Privada 4645
    Total de Públicos 549
    Total de Privados 4645
    Total 5194

    Fonte: DataSUS http://cnes.datasus.gov.br/ - Consulta por "Esferas Administrativas". Unidade de Saúde agrega todas as categorias existentes, de Posto de Saúde à Hospital.

    Número de Leitos no MRJ - 2013/2014

    Tipo Existente SUS Sem SUS % Leitos com SUS
    Cirúrgico 6764 3416 3348 51%
    Clínico 7198 3023 4175 42%
    Complementar 4878 1087 3791 22%
    Obstétrico 1864 1112 752 60%
    Pediátrico 1534 859 675 56%
    Outras Especialidades 4247 2679 1568 63%
    Hospital DIA 804 397 407 49%
    TOTAL CLÍNICO + CIRÚRGICO 13962 6439 7523 46%
    TOTAL GERAL (EXCETO COMPLEMENTAR) 22411 11486 10925 51%
    TOTAL GERAL 36373 17925 18448 49%

    Fonte: DataSUS http://cnes.datasus.gov.br/
    Análise: Rio Negócios
    Obs¹: Sem SUS - Sem convênio com o Sus
    Obs²: Unidade Intermediária, Unidade Isolamento e UTI Adulto, pediátrica, Neonatal e Queimados.
    Outras Especialidades:</strong> Crônicos, Psiquiatria, Reabilitação, Tisiologia, Acolhimento Noturno.
    Hospital DIA: Cirúrgico/Diagnóstico/Terapêutico, AIDS, Intercorrência Pós-Transplante, Geriatria, Saúde Mental. A cidade do Rio de Janeiro possuí a maior proporção de Hospitais de Ensino do Brasil.

    Número de Hospitais de Ensino por Capital e UF - 2013/2014

    Capital UF % Capital/Brasil
    Rio de Janeiro - RJ 14 21 7%
    São Paulo - SP 13 48 7%
    Belo Horizonte - MG 11 22 6%
    Curitiba - PR 8 15 4%
    Fortaleza - CE 8 9 4%
    Recife - PE 8 8 4%
    Porto Alegre - RS 7 18 4%
    Salvador - BA 6 6 3%
    Brasília - DF 4 6 2%
    Manaus - AM 4 4 2%
    Florianópolis - SC 3 7 2%
    Belém - PA 3 4 2%
    Goiânia - GO 3 3 2%
    Natal - RN 2 3 1%
    Vitória - ES 2 2 1%
    Campo Grande - MS 2 2 1%
    Cuiabá - MT 2 2 1%
    Teresina - PI 2 2 1%
    Maceió - AL 2 2 1%
    João Pessoa - PB 1 2 1%
    São Luis - MA 1 1 1%
    Aracaju - SE 1 1 1%
    Rio Branco - AC 0 0 0%
    Macapá - AP 0 0 0%
    Porto Velho - RO 0 0 0%
    Boa Vista - RR 0 0 0%
    Palmas - TO 0 0 0%
    Total 188

    Fonte: DataSUS http://cnes.datasus.gov.br/ - Consulta por "Hospitais de Ensino"
    Análise: Rio Negócios

    Segurança

    Indicadores de Segurança

    2006 2013 %2013/2016
    Homicídio Doloso 2.465 1.324 -46%
    Latrocínio¹ 117 52 -56%
    Furto de Veículo 11.544 7.654 -34%

    Prisões

    2006 2013 %2013/2006
    Prisões 6.757 11.142 165%

    Roubos

    2006 2013 %2013/2006
    Total de Roubos 82.163 63.202 -23,08%
    Roubo a Residência 595 545 -8,40%
    Roubo de Veículo 24.658 12.384 -49,78%
    Roubo em Coletivo 4.899 3.597 -26,58%
    Roubo a Banco 39 6 -84,62%
    Roubo de Aparelho Celular 4.526 3.325 -26,54%
    Roubo a Pedestre 30.194 30.494 +1,00%

    Unidades de Polícia Pacificadora - UPPs

    Ano UPP N° de Comunidades Beneficiados Efetivo
    2008 Santa Marta 1 8.000 123
    2009 Cidade de Deus, Jardim Batan, Babilônia, Chapéu Mangueira, Pavão-Pavãozinho e Cantagalo 21 112.446 654
    2010 Tabajaras, Cabritos, Providência, Borel, Formiga, Andaraí, Salgueiro, Turano e Macacos 34 59.771 1.590
    2011 São João, Matriz, Quieto, Coroa, Fallet, Fogueteiro, Escondidinho, Prazeres, São Carlos e Mangueira 18 75.065 1.229
    2012 Rocinha e Alemão 23 199.133 1.900
    2013 Cerro-Corá, Caju, Barreira/TuiutÍ, Jacarezinho, Manguinhos, Camarista Méier, Arará/Mandela, Lins 59 136.369 2.301
    Total 97 454.415 5.496

    Fonte: ASCOM SEGEG
    Nota: Beneficiados = população da comunidade + a população do entorno

    UOP - Unidades de Ordem Pública

    Local Data de Implantação Efetivo Abrangência (mil m²)
    Tijuca 18/04/2011 225 655
    Centro 05/09/2011 420 975
    Leblon 27/10/2011 220 662
    Ipanema 05/12/2011 234 470
    Copacabana 24/01/2012 285 380
    Catete 16/05/2012 347 775
    Méier 11/09/2012 267 500
    Porto Maravilha 26/12/2012 267 1.000
    TOTAL 2.265 5.417

    Fonte: SEOP

    Indústria

    Nº de Estabelecimentos Industriais por Área de Planejamento (AP) - 2012

    AP1 AP2 AP3 AP4 AP5 TOTAL
    Extrativa mineral 70 46 12 35 8 171
    Minerais não-metálicos 14 7 83 23 67 194
    Indústria metalúrgica 89 30 400 46 125 690
    Indústria mecânica 89 37 255 63 12 456
    Indústria do material elétrico e de comunicações 36 11 95 23 20 185
    Indústria de material de transporte 35 15 70 23 53 196
    Indústria da madeira e do mobiliário 25 13 153 35 46 272
    Indústria do papel, papelão, editorial e gráfica 334 174 437 129 74 1148
    Indústria da borracha, fumo, couros, peles, similares e diversas 127 258 147 125 42 699
    Indústria química de produtos farmacêuticos, veterinários, perfumaria 110 49 359 77 71 666
    Indústria têxtil do vestuário e artefatos de tecidos 249 230 436 155 145 1215
    Indústria de calçados 4 2 12 - 2 20
    Indústria de produtos alimentícios, bebidas e álcool etílico 156 187 382 178 157 1060
    Serviços industriais de utilidade pública 100 43 63 30 17 253
    Total 1438 1102 2094 942 839 7225

    Fonte: Armazém de Dados http://www.armazemdedados.rio.rj.gov.br/

     

    N° de Empregos por Área de Planejamento (AP) - 2012

    AP1 AP2 AP3 AP4 AP5 TOTAL
    Extrativa mineral 8.681 1.682 100 1.540 45 12.048
    Indústria da borracha, fumo, couros, peles, similares e diversas 1.808 2.244 2.425 988 5.059 12.524
    Indústria da madeira e do mobiliário 187 100 1.647 689 578 3.201
    Indústria de calçados 74 9 511 - 4 598
    Indústria de material de transporte 3.175 554 5.497 383 392 10.001
    Indústria de produtos alimentícios, bebidas e álcool etílico 3.769 6.869 8.445 10.951 5.799 35.833
    Indústria do material elétrico e de comunicações 513 94 1.949 1.249 97 3.902
    Indústria do papel, papelão, editorial e gráfica 7.277 1.195 6.273 1.701 3.375 19.821
    Indústria mecânica 2.482 1.311 6.837 1.498 2.481 14.609
    Indústria metalúrgica 937 250 6.741 616 7.128 15.672
    Indústria química de produtos farmacêuticos, veterinários, perfumaria 16.462 2.530 11.265 4.719 4.053 39.029
    Indústria têxtil do vestuário e artefatos de tecidos 5.256 1.834 13.456 1.891 2.537 24.974
    Minerais não-metálicos 354 55 2.621 352 1.606 4.988
    Serviços industriais de utilidade pública 13.901 22.303 1.967 551 2.621 41.343
    Total 64.876 41.030 69.734 27.128 35.775 238.543

    Fonte: Armazém de Dados http://www.armazemdedados.rio.rj.gov.br/

     

    % de Empregos por Estabelecimentos Industriais - 2012

    Estabelecimentos Empregos % Empregos / Estabelecimentos
    Extrativa mineral 180 12.048 67
    Indústria da borracha, fumo, couros, peles, similares e diversas 731 12.524 17
    Indústria da madeira e do mobiliário 290 3.201 11
    Indústria de calçados 23 598 26
    Indústria de material de transporte 174 10.001 57
    Indústria de produtos alimentícios, bebidas e álcool etílico 1.116 35.833 32
    Indústria do material elétrico e de comunicações 186 3.902 21
    Indústria do papel, papelão, editorial e gráfica 1.182 19.821 17
    Indústria mecânica 533 14.609 27
    Indústria metalúrgica 738 15.672 21
    Indústria química de produtos farmacêuticos, veterinários, perfumaria 696 39.029 56
    Indústria têxtil do vestuário e artefatos de tecidos 1.282 24.974 19
    Minerais não-metálicos 217 4.988 23
    Serviços industriais de utilidade pública 282 41.343 147
    TOTAL 7.630 238.543

    Fonte: Armazém de Dados; Análise Rio Negócios