Banco chinês negocia a compra de instituições financeiras no Brasil

  • Português
  • English
  • Postado em 17 de janeiro, 2012


    As conversas, ainda em fase preliminar, seriam porta de entrada do China Construction Bank no mercado nacional

    O China Construction Bank Corp., o segundo maior banco da China em ativos, está em conversações para comprar um banco no Brasil e em negociações muito preliminares com “dois a três bancos brasileiros”, disse uma fonte com conhecimento da situação.

    O CCB gastará cerca de US$ 200milhões para comprar o menor dos três bancos, embora a aquisição dos outros dois deva ficar entre US$ 500 milhões e US$ 600 milhões cada, afirmou a fonte, sem identificar as instituições.

    O movimento é o mais recente de uma série de tentativas de companhias chinesas para aumentar sua presença no mercado emergente da América Latina.

    Uma fonte afirmou que o movimento do vice-líder chinês para explorar oportunidades no Brasil dará ao CCB não só uma presença na região, mas tem a vantagem de ocorrerem um momento em que as valorizações das bolsas ao redor do mundo têm sido afetadas pela crise da dívida da zona do euro.

    Companhias estatais de petróleo da China fizeram uma grande avanço na América Latina durante os dois últimos anos, como parte dos esforços para assegurar o abastecimento de energia e diversificar seus investimentos fora do país. Os bancos chineses estão se juntando às petroleiras nos investimentos Argentina. Em agosto do ano passado,o Industrial&Commercial Bank of China, o maior banco da China em ativos, afirmou que estava comprando uma participação de 80% nas operações do Standard Bank Group na Argentina, em um negócio avaliado em US$ 600 milhões.O acordo ocorreu após o Banco Central brasileiro afirmar em abril que o ICBC submeteu um pedido para iniciar operações no País. / DOW JONES NEWSWIRES

    Compra-se

    US$ 200 mi é quanto o CCB pode pagar para comprar um banco no Brasil

    US$ 1,2 bi é quanto o banco chinês pode gastar em outras duas aquisições no Brasil, cujas negociações estão em estágio preliminar

    O Estado de S. Paulo/AC



    Rio Negócios Newsletter

    Cadastre-se e receba mensalmente as principais novidades em seu email

    Quero receber o Newsletter